SUAS EXPERIÊNCIAS COM O PSICOPATA TEM NOMES 3


VOCABULÁRIO NECESSÁRIO PARA NOMEAR E ENTENDER SUA EXPERIÊNCIA COM UM PSICOPATA

Texto baseado em Donna Andersen

(http://www.lovefraud.com/2017/01/23/vocabulary-101-10-terms-to-help-you-name-your-experience-with-a-sociopath/)

 

Uma das razões porque é tão difícil explicar o que acontece num envolvimento com um psicopata é que nos faltam palavras.

Como a sociedade em geral desconhece o que são distúrbios de personalidade, e não há informação adequada, não sabemos como nomear os diferentes aspectos dessa experiência. Ter palavras que a descrevem e que sejam entendidas pela comunidade de sobreviventes e as pessoas a eles relacionadas ajudam na recuperação.

  1. Bombardeio amoroso

Essa é uma estratégia básica do psicopata. Ele/ela cumula você com demonstrações de atenção e afeto, quer estar com você o tempo todo, faz você se sentir a pessoa mais importante do mundo.

  1. Alvo

Esse é você. Os psicopatas não a consideram um amigo, um colega, um parceiro romântico e sim um alvo a ser explorado.

  1. Fazer-se de coitado

Essa é outra estratégia básica de sedução do psicopata. Ele tenta fazer com que você sinta pena dele. Conta histórias terríveis e tristes de sua infância, traições ou maluquices de seus ex parceiros amorosos, ou de seus chefes perversos. É claro que quase tudo isso é mentira, não dá para saber ao certo.

Essa é uma maneira de usar a sua empatia contra você mesmo.

  1. Médico e monstro

A história clássica do homem gentil que se transforma em monstro descreve muito bem o comportamento de um psicopata. Num momento ele ama você, no outro odeia você. Muda como ligar ou desligar um interruptor de luz. E você fica totalmente perdido sem saber o que foi que puxou o gatilho disso.

  1. Gaslighting ou tortura psicológica

No filme com este nome, o vilão tenta intencionalmente fazer com que sua esposa ache que está ficando louca. Quem faz isso? O psicopata! Ele diz algo e depois o nega, dizendo que jamais o disse. Esconde objetos e pergunta o que você fez com ele. Pede para fazer algo e depois que você o faz, pergunta porque você o fez. O objetivo é fazer você duvidar de sua capacidade de percepção.

  1. Macacos voadores

No filme O mágico de Oz, os macacos voadores servem à bruxa do Oeste. O psicopata costuma encontrar seus próprios macacos voadores – pessoas que fazem o trabalho sujo para ele.

  1. Desvalorizar e descartar

Era uma vez, você era a pessoa mais importante do mundo. Mas não demorou muito para que o psicopata se entediasse com você. Ele pegou todo o seu amor, seu dinheiro, o que ele queria e você ficou totalmente depredada.

Agora você deixou de ser útil para ele, então o psicopata racionaliza que não há razão de continuar com você. Você é descartado/a.

  1. Campanha difamatória

Com a deterioração do seu envolvimento com o psicopata, você passa a procurar ajuda de seus amigos e sua família. Você fica chocada: ninguém acredita em você.

Muito antes de você perceber que o psicopata é uma pessoa tóxica, ele já havia começado a minar sua reputação com todos os seus contatos. Ele comenta sobre sua estabilidade mental e emocional. Conta histórias degradantes de como você o prejudicou. Tudo mentira! Mas ele o faz com tanta convicção que as acusações dele pegam, e o seu sistema de suporte se foi.

  1. Rodeando

Pronto, acabou. Ou você foge do psicopata ou você é descartado. Você tenta o possível para continuar sua vida.

Mas – ele volta. O psicopata fica rodeando você como um aspirador de pó, tentando sugar você de volta. Ele lhe diz que percebeu que cometeu um erro, que tratou mal você, que se arrepende, que nunca mais vai fazer de novo. Não caia nessa! É tudo armadilha. Ou então, ele volta com mais coisas para destruir você, como um processo legal que ele arruma do nada, para perturbar você e se divertir, ou sugar mais dinheiro. Mas como ele é muito bom nas mentiras, convence advogado e até juiz de que você é o agressor e ele a vítima.

  1. Sem contato

Para fugir e se recuperar do psicopata, a melhor estratégia é Sem Contato, ou não jogar o jogo. Afaste-se e se mantenha afastado. Não procure vê-lo, não fale com ele, não lhe mande mensagens, não visite sua página no Facebook. Tempo e distância vão ajudá-lo a limpar o nevoeiro que ele causou na sua cabeça e a recuperar o chão debaixo de seus pés.

Quando Sem Contato não for possível, como por exemplo no caso de ter filhos com ele, conquiste o Sem Contato Emocional. Isso significa que você entende o que o psicopata é, que ele não vai mudar, e você não deixa mais que ele o afete emocionalmente.


Deixe um comentário

3 pensamentos em “SUAS EXPERIÊNCIAS COM O PSICOPATA TEM NOMES

  • Lu

    Boa noite…li alguns artigos e neles identifiquei o meu grande sofrimento. Estou desconfiada que vivi 12 anos com um psicopata…e embora eu tenha conseguido me livrar dele , preciso buscar terapia específica para mim e minha filha. Ele sugou toda minha alegria de viver …que cheguei ao estado caotico de querer acabar com a minha vida e da minha filha para não sofrermos mais. Faz uma semana que ele se casou com outra mulher que conheceu a 6 meses…como se tivesse deletado o passado…nem as filhas ele convidou para o casamento…e tbm nenhum amigo antigo. Vendo as fotos do casamento dele e os elogios de amigos recentes sobre a maravilhosa pessoa ele é..fico assustada com a cena teatral…e horrorizada de ver que fara com outra mulher o que fez comigo. Mas não adianta eu contar…certamente para ela eu sou tida por louca e desequilibrada. Gostaria que me ajudassem.

    • Micaela Hon
      Micaela Hon Autor do post

      Lu, de fato não adianta nada você contar aos outros a verdade, porque as pessoas não acreditam. Então, cuide de se fortalecer e ir aos poucos se desligando dessa pessoa que a fez sofrer. Procure uma terapia com alguém que entende o que você passou. Não adianta um terapeuta que não sabe o que é um psicopata e o que sua vítima passa, porque você corre o risco de ser retraumatizada. Faça algo de que você gosta, que lhe faça bem. Por exemplo, andar ao sol por pelo menos cinco minutos por dia já vai revitalizá-la e aos poucos você irá recuperando sua energia vital e vontade de viver. O que lhe dá satisfação? Faça. Se dê este presente. E faça o mesmo com sua filha.